Arquitetura e construção com terra: alternativa sustentável

Sumário

Autora: Ana Carolina Veraldo

Arquitetura e construção com terra é o termo que se usa para designar toda edificação feita de terra.

Pela ampla disponibilidade, alta reciclabilidade e/ou reversibilidade e baixa energia incorporada, materiais em terra crua, atualmente, são reconhecidos como um dos mais sustentáveis para o meio ambiente.

Tipos de painéis

Você deve saber que a terra é nas mãos de construtores habilidosos se torna um material muito versátil. Esta matéria-prima da natureza pode ser comprimida, apiloada, moldada, escavada, derramada, extrudada e empilhada. Assim, em diferentes estados hídricos, originam basicamente três tipos de painéis:

Entramados

Como exemplo, podemos citar a técnica mista ou taipa de mão. Nesta técnica, há uma estrutura de madeira ou até mesmo malha de aço (entramada), que corresponde ao corpo da edificação ou o esqueleto que a suporta.

A terra ou o barro, que corresponde ao enchimento do entramado e do revestimento, é responsável por uma das principais propriedades que caracteriza as técnicas mistas: responder adequadamente às condições ambientais com destaque no comportamento acústico e térmico.

arquitetura e construção com terra
Técnica da taipa de mão

Alvenarias 

Como por exemplo, o adobe e os tijolos de solo-cimento. O adobe é uma mistura de terra devidamente selecionada, água e fibras, que são assentados com uma argamassa de terra com ou sem fibras, usado para construir paredes e até coberturas.

arquitetura e construção com terra
Produção de adobe

Já o tijolo de solo cimento, mais conhecido como BTC (blocos de terra comprimida), trata do componente da alvenaria. Fabricado com terra adensada de imediato em prensas manuais ou mecanizadas.

Para a melhoria das qualidades destes tijolos pode-se utilizar métodos de estabilização com aditivos naturais ou químicos, como o cimento (por isso o termo solo-cimento).

BTC, tijolo de solo-cimento ou tijolo ecológico

Monolíticos 

Como exemplo temos a taipa-de-pilão, que se trata de uma técnica de produção de paredes de terra estabilizada. O  método usado consiste em compactar uma mistura de solo úmido, com algum aditivo, dentro de formas (taipais).

Apesar de milenar, a técnica é muito atual por seu potencial circular e sustentável. Há uma ampla difusão temporal e geográfica da taipa de pilão e variações no modo de executar. Da antiguidade até os dias de hoje, a técnica pode se adaptar a diferentes contextos e padrões construtivos.

arquitetura e construção com terra
Parede produzida com a técnica taipa-de-pilão

A arquitetura contemporânea de Taipa-de-pilão inova no design e nas qualidades sensoriais. Dessa forma, texturas e cores naturais originalmente da terra, comunicam valores culturais, tecnológicos e ecológicos.

Taipa-de-pilão

Esta técnica pode ser empregada tanto em projetos de cooperação (países mais pobres), assim como em projetos de alto padrão (países mais desenvolvidos).

Com os avanços da tecnologia e o paradigma da construção sustentável, algumas regiões da América do Norte, Austrália e Nova Zelândia demonstram que a mecanização de algumas técnicas.

Além disso, aliadas a introdução de outras inovações, podem melhorar o desempenho das paredes de terra e agregar qualidade ao produto final, permitindo a inserção da técnica no mercado da construção civil com competitividade.

arquitetura e construção com terra
Tarrawarra Art Museum, na Austrália, foi construído com a técnica de taipa de pilão

A princípio, este material foi considerado potencialmente uma opção construtiva na década de 1970, quando impulsionados pela crescente demanda habitacional.

Assim, alguns centros de pesquisa como o CEPED (Centro de Pesquisa e Desenvolvimento), foram subsidiados em pesquisa para o emprego da taipa-de-pilão com solo-cimento (denominado painéis monolíticos de solo-cimento) e o bloco de terra comprimida (mais conhecido como BTC ou tijolo de solo-cimento) na construção de habitações.

Nessa época, os estudos tiveram como foco assegurar a qualidade desses materiais em sistemas construtivos simplificados. Evitando o uso de equipamentos sofisticados e desenvolvendo métodos de capacitação in loco para a mão de obra.

Contudo, o interesse crescente no desenvolvimento da indústria do concreto provocou mudança no foco dos investimentos. Resultando, por fim, na interrupção desse tipo de pesquisa.

Normas para a construção com terra

Para que essa alternativa tecnológica possa ser viável em uma escala ampliada ao contexto brasileiro, ações setoriais de desenvolvimento tecnológico, de cunho técnico, científico e políticas públicas, com a criação de normas nacionais estão sendo realizadas pela RTB (Rede TerraBrasil).

A RTB é uma rede que congrega profissionais, estudantes, entidades de classe e toda a sociedade constituída em torno do tema arquitetura e construção com terra no Brasil. Desse modo, construtores terão parâmetros para atestar e garantir a qualidade das paredes, atendendo as exigências básicas dos usuários elencadas na ISO 6241 (1984) e NBR 15575.

Você conhece as construções contemporâneas em taipa-de-pilão? Gostaria de saber mais sobre este assunto?

2 comentários em “Arquitetura e construção com terra: alternativa sustentável”

Deixe um comentário

Você também pode gostar de ler

Conteúdo EnsinE

Metodologia EnsinE – A revolução do aprendizado personalizado

A metodologia de ensino é o coração de todo projeto de educação. É a partir dela que as diferenças acontecem. Cada modelo cria um processo de aprendizagem próprio e esse, por sua vez, permite aos estudantes desenvolvimentos distintos. Nesse texto, você vai entender o que é Metodologia de Ensino e como funciona o modelo adotado

Continuar lendo »

Como escrever uma boa redação?

  Fazer uma redação pode ser mais complicado do que parece. E é muito comum que as pessoas procurem dicas de como fazer uma boa redação antes de começarem a escrever. Uma redação boa e simples exige alguns pequenos passos, que se forem seguidos, vão certamente levar seu texto ao sucesso. E hoje nós vamos

Continuar lendo »
Venuti Amib João Pessoa
AMIB

Venuti, Analgesia, Delirium e Sedação são temas de Pós da Amib.

A Faculdade EnsinE, em parceria com a Associação de Medicina Intesivista do Brasil (Amib), promove aula de Venuti, Analgesia, Delirium e Sedação, nesse final de semana. No primeiro final de semana de Abril, as cidades de São José dos Campos (SP) e João Pessoa (PB) recebem aulas referentes ao curso de Pós-Graduação em Medicina Intensiva

Continuar lendo »
NEUROPSICOPEDAGOGIA
Educação

Pós-Graduação promove aula de Estágio Psicomotricidade Transtornos na Aprendizagem

Pós-Graduação promove aula de Estágio Clínico, Psicomotricidade na prática pedagógica e aula de Transtornos na Aprendizagem O primeiro final de semana do mês de Abril será marcado por grandes aulas no curso da Pós-Graduação em Neuropsicopedagogia Clínica e Institucional, coordenados pela educadora Heloísa Delage, pela Faculdade EnsinE. A terceira turma, que iniciou em 2020, se

Continuar lendo »

Olá! Preencha os campos abaixo para iniciar a conversa no WhatsApp.