O que é EAD: tudo o que você precisa saber sobre o Ensino a Distância

Você com certeza já se deparou com a sigla EAD em algum momento, principalmente nos últimos meses, desde o início da pandemia de coronavírus. Mas, afinal de contas, o que é EAD? Entenda agora qual é o significado por trás dessas três letras que têm ganhado cada vez mais espaço quando o assunto é educação.

 

O que é EAD?

         EAD é a sigla para Ensino a Distância, ou também Educação a Distância, que consiste em uma modalidade alternativa de ensino que vem se consolidando cada vez mais.

O grande diferencial do Ensino a Distância é a flexibilidade de horários e lugares de estudo que ele oferece, não sendo necessário um encontro presencial entre professores e alunos.

No EAD, é o aluno que escolhe onde e quando vai estudar. Nessa modalidade, a principal ferramenta de estudo é um computador com acesso à internet.

A crescente popularidade da categoria se dá, principalmente, pela grande adaptabilidade que ela oferece. O Ensino a Distância é a escolha ideal para pessoas que têm uma rotina cheia, por exemplo.

Agora que você já sabe o que é EAD, está na hora de conhecer as origens desse modelo de ensino e sua evolução.

Como surgiu o Ensino a Distância

         Tão importante quanto entender o que é EAD é saber como a modalidade surgiu e a que se deve sua recente ascensão.

Ao contrário do que se imagina, o Ensino a Distância surgiu muito antes da era digital, no ano de 1728, em Boston, nos Estados Unidos.

Na época, o curso oferecido era de taquigrafia (escrita rápida com as mãos), e ele acontecia através de correspondências semanais, já que ainda não havia computadores ou internet.

A partir desse pontapé inicial, a história do EAD passou a acompanhar de perto a evolução da sociedade e, principalmente, da tecnologia.

No começo, o foco era em cursos profissionalizantes, ao passo que, atualmente, a modalidade engloba desde o ensino fundamental até a pós-graduação.

Mas, apesar de o Ensino a Distância de 1728 se diferenciar em muitos aspectos do que ele é hoje, alguns pontos importantes permaneceram intactos.

O primeiro deles é a característica principal do EAD: a separação física e temporal entre docentes e alunos. Outro é a possibilidade de oferecer formação para pessoas que estão longe das universidades.

Depois de entender o que é EAD e como a categoria de ensino surgiu, o próximo passo é conhecer sua história aqui no Brasil.

 

Ensino a Distância no Brasil

         Você já sabe o que é EAD e quais foram suas origens, mas deve estar se perguntando quando e como o Ensino a Distância chegou em território brasileiro.

Para a sua sorte, nós temos a resposta! O EAD no Brasil começou em 1904, através de um anúncio nos classificados do Jornal do Brasil sobre um curso de datilografia.

Assim como nos Estados Unidos, o primeiro curso a distância do Brasil também era realizado por meio de correspondências.

Na década de 1920, com o rádio sendo a novidade tecnológica do momento, surgiram os primeiros cursos transmitidos pelas ondas eletromagnéticas. Materiais impressos eram usados como complemento.

Algumas décadas depois, no final dos anos 70, começava a primeira experiência de Ensino a Distância em cursos superiores. Nesse período, os telecursos, transmitidos pela TV, já existiam.

Com a chegada da internet no Brasil, em meados dos anos 90 as instituições passaram a utilizá-la com o objetivo de publicar conteúdos e incentivar interações.

Por fim, em 1996, foi criada a Secretaria de Educação a Distância (SEED), do Ministério da Educação (MEC).

No mesmo ano, o EAD no país passou a contar com uma abrangente legislação (a mesma que garante, hoje, a validade dos diplomas emitidos pelos cursos da modalidade).

Mas, afinal de contas, como está o atual cenário do EAD no Brasil?

Crescimento do EAD no Brasil

         Atualmente, muitos brasileiros já sabem o que é EAD e cursam a modalidade, que já está consolidada no país e oferece cursos desde o ensino fundamental até a pós-graduação.

O número de pessoas que cursam o ensino superior a distância em território brasileiro, hoje em dia, ultrapassa a marca de 1 milhão.

Em comparação com 2005, quando havia cerca de 100 mil alunos matriculados em EAD, o aumento foi de 1000% em pouco mais de 10 anos.

Muitos fatores contribuíram para a popularização do Ensino a Distância no Brasil, entre eles: a expansão do acesso à internet, a flexibilidade e comodidade, e o custo-benefício.

Se, no começo, havia certa resistência e desconfiança quanto à modalidade, nos dias atuais pode-se dizer que o EAD em território nacional é um caso de sucesso.

E a tendência é que essa expansão continue acontecendo e o modelo de ensino conquiste cada vez mais pessoas.

Se você gostou de entender mais sobre o que é EAD, também vai gostar de saber que, aqui na EnsinE, nós oferecemos cursos nessa modalidade em várias áreas, uma delas sendo a de Arquitetura.

    Seja Ensin.E, vença!

Compartilhe!

Deixe um comentário

Estamos atendendo pelo WhatsApp

Seguindo as recomendações da Organização Mundial da Saúde, estamos trabalhando de home office temporariamente. Se precisar de atendimento, pode nos enviar um WhatsApp que responderemos o mais breve possível!